Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Mamã Zen, Mamã com estilo...

O Blog que fala de tudo e de nada, do simples ao complicado, ou seja ... ...do dia a dia... Do bom e menos bom, de experiências e vivências, de moda e tendência, de estilo e modo de vida... Enfim do tudo e do Universo.

Dom | 10.05.15

Quilinhos a mais? E quê?

Olá a todos. Hoje venho assim um pouco desanimada. Mas comigo mesma ou não...não sei ao certo.

 

 

 

Quando era mais novinha era pessoa de me importar muito como eu era, tanto interior como de fisico. No entanto uma coisa que sempre de alguma forma fez com que eu fosse menos preocupada com estes aspetos, foi o fato de interiorizar, que eu era daquele jeito, e daquele jeito eu e o Mundo tinham me que aceitar. Afinal nós crescemos e construímo-nos, crescemos e o nosso corpo molda se ao jeito dele. 

 

E assim por muitos anos cresci, evolui, aceitei-me e amei-me do jeito que sou, tal como sou.

 

Dai, que fui Mamã. E ser Mamã, são 9 meses de transformações corporais, que só Deus sabe como fica passado esses 9 meses. Eu não tinha razão de queixa, pois eu fui uma grávida "elegante" no que toca a peso, e por sorte que a nível estético, não fiquei com manchas, nem estrias. Nem a minha cara ficou com o chamado "pano". Sorte, não é?

 

Passada a minha gravidez, e claro que apesar de estar "elegante", não sai do hospital de barriga lisa...sai como maioritáriamente as Mamãs saem, inchada.

 

O tempo passou, aliás, passou pouquissimo tempo, e eu desinchei, por completo. E comecei a perder peso, e a perder cada vez mais peso, sem nada fazer. Perdi tanto peso, que me encontrava demasiada magra.

 

Fui ao médico. Desde que fiquei grávida, nunca mais consegui sair de lá, sem me dizerem que só tinha que voltar por rotina.

 

Fiz análises, no entanto à partida já se saberia o que estava a passar, apesar da fase do baby-blues e inicio de depressão pós parto, a minha tiróide começou a funcionar mal, dai o tal emagrecimento súbito.

 

Após os resultados, comecei a medicação para controlar o meu hipertiroidismo. 

 

Dai...dai....comecei a engordar. E a engordar.

 

Não que seja obesa, mas estou "fofinha". A barriga depois de um bebé, ainda não estava no lugar certo, e como sou de engordar e fazer barriguinha, a dita cuja apareceu novamente. As pessoas que passam por mim estão sempre a questionar se estou grávida. Não sei se perguntam a todas as "fofinhas" do Mundo, ou se é porque acham simpático faze-lo a mim, mas o que é certo é que o fazem, e por vezes não pensam no que isso pode causar.

 

Até um determinado ponto eu não liguei. Até acho que para uma Mamã recente (12 meses) o corpo está razoável.

Aliás, acho que infelizmente, e por vezes vê-se rapariguinhas muito novas, que não são Mamãs e que não tem cuidado com alimentação e deixam o corpo chegar a uma dimensão quase impossivel de reverter ao que seria "normal".

Mas hoje isto toca-me. Toca-me pela insensibilidade das pessoas, pelas palavras duras que ouvimos, e mais a mais com o Verão a aproximar-se cada vez mais, tudo toca-me.

 

Eu estou a tentar reeducar-me, a criar hábitos alimentares saudáveis, a tentar dimunuir açucares, mas é dificil, e não é de um dia para o outro. Neste momento, estudo muito sobre alimentação saudável, e tento aplicar. Tento dar o melhor. Mas vai pouco a pouco. Quero colocar o  execicio físico na minha rotina, mas Mamãs será que só sou eu que ainda estou a habituar-me a consiliar a vida de Mamã, cada fase nova do nosso bebé, e o tempo passa e acaba por não chegar para nós?

 

A verdade é que já há alguns dias que ando para escrever sobre o tema, mas não sabia ao certo se me exprimiria da melhor forma, e mesmo assim estou para aqui a escrever...e vamos ver o que sai.

 

Descobri que há pessoas muito maldosas neste Mundo, que gostam de "castigarem-nos" com aquilo que para elas também não as faz feliz. É fácil apontar defeitos para que os nossos sejam ocultados. Enfim...

 

Como foi com vocês Mamãs? Têm sugestões?

E as que não foram Mamãs e sofrem do mesmo? Como é com vocês?

 

Ideias para refeições também se aceitam.

 

Ahhhh mas vou só salientar, que apesar do desabafo, eu continuo bem, mas é como um exemplo que estou constatemente a dar. Nós temos uma blusa que adoramos e vestimos, chega uma pessoa e diz que não gosta, mas nós não nos ralamos, chega outra e também diz que não gosta, até que chega um ponto que já é tanta gente a dizer o mesmo que nos questionamos, "na realidade, secalhar a blusa não me fica bem". E pronto...

 

Beijinhos muito grandes da  "Mamã Zen, Mamã com estilo..." .

1 comentário

Comentar post