Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Mamã Zen, Mamã com estilo...

O Blog que fala de tudo e de nada, do simples ao complicado, ou seja ... ...do dia a dia... Do bom e menos bom, de experiências e vivências, de moda e tendência, de estilo e modo de vida... Enfim do tudo e do Universo.

Seg | 18.04.16

Redes Sociais no seu pior...

Inicio de semana, grande optimismo...

 

Volta a rotina, no meu caso, de segunda a sexta.

 

Todo o santo dia, há tarefas que são incapazes de ser irrepetíveis.

 

Se um lado cansa, ao menos por outro, já sabemos o que é certo acontecer.

 

Mas não venho falar de rotinas, propriamente...venho falar de algo que como todas as outras coisas de segunda a sexta e rotineiras, me irrita, tira-me do sério, mas parece que não vivo sem...

 

dislike.jpg

 

 

Todos os dias, e não devo ser a única, antes de deitar-me, tenho o vicio de "espreitar" as redes sociais. E todos os dias questiono-me porquê?! Porque continuo a fazer isso, se já sei á partida que é algo que me vai deixar menos bem, menos em equilíbrio, mais stressada, e por consequencia, pensativa e menos confortável para terminar o meu dia?!?! 

 

VICIO...que posso eu mais chamar a isto?! E sei que não sou a única a ter este tipo de atitude. Mas perguntam-se porque fico com estas "comichões" todas?!?!

 

Eu respondo.

 

As redes sociais, e mais propriamente o Facebook , irrita-me porque as pessoas não são capaz de mostrar as coisas boas da vida, as boas noticias, utilizar os pontos positivos do dia a dia.

 

Só postam desgraças, noticias do arco da velha, lamurias e desgostos...eu sei lá bem o que é o feed noticias do meu perfil privado....e penso de todos os utilizadores do Facebook.

 

Mas o mal não está nas redes sociais. E já que falo naquela que mais utilizo, o Facebook, não é ele que tem culpa destes quadros apresentados diariamente, mas sim as pessoas.

 

Precisamos de abrir consciências, abrir fronteiras, passar mensagens de paz, amor, união...isto fortalece grandes laços. Dá-nos momentos aprazerados. Ao contrário deste choque de negativismo que depositam, para todos ver, como se precisassem de aprovação, pena, ou sei lá bem...

 

Posso até ser dura, no que digo. Mas será que só sou eu que sinto isto?!?!

 

Todo o santo dia penso nisto...é verdade que só lá está quem quer, mas deixou de ser uma rede social positiva para ser algo incomodativo. O único beneficio, de momento que encontro, é mesmo e somente a facilidade de permanecer em contacto com quem não está perto.

 

Partilhem AMOR. Porque há várias maneiras de partilhar e demonstrar o AMOR.

 

Voltando às rotinas...

 

Hei-de quebrar esta rotina, de que nada sinto ser positiva, hei de quebrar...

 

                                                     

Soraia Romão