Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mamã Zen, Mamã com estilo...

O blogue que retrata da vida de uma mulher após maternidade. Entre biberões e batons, um mundo cheio de descobertas ao estilo Zen.

Mamã Zen, Mamã com estilo...

O blogue que retrata da vida de uma mulher após maternidade. Entre biberões e batons, um mundo cheio de descobertas ao estilo Zen.

Adaptação da creche: CONCLUIDA?!?!

E faz hoje duas semanas que postei, o post sobre Infantário VS Coração de Mamã, onde relatava um pouco da minha ansiedade e medos como Mamã, perante o Infantário, e a parte mais racional sobre os beneficios de frequentar a creche.

 

Pois é, na verdade já são 3 semanas de creche, mas vou apenas contabilizar duas. Uma vez que a primeira foi assim um ir não ir.

 

Duas semanas de adaptação, posso dizer que mesmo refilando para não ficar, está adaptada. GRAÇAS A DEUS.

 

 

 

Todos os dias quando a levo a escolinha, não quer sair dos meus braços, faz aquele chorinho de querer partir o coração, mas só um chorinho. (A Mamã é que exagera logo...eheheh). Passa para o colo de uma auxiliar, e quando estou na porta, já temos novamente uma criança feliz.

 

É so "manhã", como se custuma dizer...

 

Comer? Come o que não quer em casa...

 

Até "caiu-me o queixo" quando me disseram : "Ela comeu a SOPA, TODAAAA".

E eu: "O quê? SOPAAAA?!?!"

E elas: "Sim..."

 

É porque aqui por casa, a rapariga quer a sopa lá bem longe dela, mas bem longeee...e eu já tinha avisado, que provavelmente a sopa não seria o forte dela.

 

A Mamã é uma mentirosa...é o que é...ahahah

 

Dormir folguinhas?

 

E eu a pensar que também não ia dormir, estava habituada a miminhos para deixar-se dormir...DORME que é uma MARAVILHA.

 

Mais uma vez, a Mamã é uma mentirosa...é o que é...ahahah

 

Mas bom, ainda bem que assim é. Quebrou muitos dos meus medos, ganharam toda  a minha confiança, e em duas semanas posso dizer que já vem com coisas novas aprendidas.

 

Anda melhor.

 

Interage muito mais.

 

Noto que explora muito melhor, ao detalhe, os seus brinquedos.

 

Fora as suas graçinhas.

 

Estou contente por uma boa adaptação.

 

Sei que hoje é o primeiro dia de muitos meninos na escolinha, desejo que corra tudo bem. E Mamãs e Papás, estejam tranquilos, eles adaptam-se mais depressa que NÓS, podem ter a certeza...e fala a experiência de uma Mamã que nem queria falar da entrada para a creche.

 

Bem, por agora vos deixo...

 

Beijinhos da Mamã Zen, Mamã com estilo...

 

 

 

Infantário VS Coração de Mamã

Olá com ALEGRIA, para mais uma semana, com muitas aventuras.

 

 

 

Faz hoje uma semana que postei aqui no blogue, sobre uma semana que seria muito importante para a mim e para a mais pequena cá de casa. Pois é, e foi verdade. Uma semana um pouco complicada para ambas, pois no fim de 16 meses, sem "cortar" o cordão "Umbi-emocional" de Mamã, eis que chegou o dia.

 

Não sei se todos têm este sentimento, mas sempre que penso no primeiro dia de escolinha da mais pequena, é como se estivesse a deixar ir, deixar crescer, a cortar o que de tão unido está em nós, e mais ... isto tudo causa "sofrimento".

 

Sofrimento para mim, que sou Mamã, pois o hábito diário de conviver com ela todos os dias, ser eu a cuidar de tudo da minha Borboleta, fez com que este ter que "ceder" um pouco dela aos demais castigasse-me com tristeza, o meu coração.

 

Mais ainda, e por ver que quando chega a hora de ir para a escolinha, sinto que o ver pessoas novas para ela torna-a "macaquinho" no colo da Mamã, sem querer descolar.

 

Ainda parte mais o coração.

 

Tento criar regras, e hábitos, porque são necessários. Tento ver os beneficios de frequentar a creche, mas está um pouco dificil para um coração apertadinho. A minha vontade é pegar nela, e dizer: "Que se lixe tudo vens comigo para casa, o resto ( casa, trabalho, falta de organização) que se dane, faz-se quando se pode e deixas, filhota..."

 

Mas não posso, nem devo.

 

Faz bem brincar...

Faz bem aprender...

Faz bem fazer amiguinhos...

Faz bem fazer de ti uma criança feliz, porque no final do dia eu vou aninhar-te no meu colo com muitos miminhos de Mamã com a certeza que, HOJE foste à escolinha e brincaste e aprendeste coisas novas.

 

Mais uma semana. Uma semana de adaptação.

 

A semana passada acabou por ser apenas dois dias de creche, porque o resto ficou cumplice de uma constipação "veranesca" com a Mamã.

 

Ai, ai...será que sou só eu a sentir-me assim?

 

Acho que não sei o que falo, não sei o que digo ou escrevo, a minha cabeça só está focada numa coisa: ELA e mais um milhão de perguntas, como: "Como estará?" , "Será que está a chorar?", etc, etc, etc...

 

Beijinhos a todos, e tenham uma ótima semana. Para aqueles que estão nesta nova aventura como eu...CORAGEM.

 

Mamã Zen, Mamã com estilo...

Infância de antigamente VS infância de hoje

No meu tempo, anos 90, brincava-se na rua sem medos.

 

 

 

Desenhava-se a "Sirumba" e a "Macaca", com giz, naquela estrada de alcatrão. A vizinha não queria, porque nós miúdos gritavamos imenso no meio da brincadeira, então jogava baldes de água em cima dos nossos rabiscos.

Lá se desfazia, os nossos jogos, mas nós tinhamos sempre solução, mudavamos de lado da estrada.

 

Ali, todos éramos amigos, todos éramos como familia.

 

Lá vinha o Verão, e as brincadeiras eram até mais tarde, por essa altura era a correria do "Caça o Tesouro", uma jogada de cartas, " o peixinho", o jogo do "Elástico", o jogo de saltar a "Corda".... e assim eramos felizes.

 

Então ouviamos assim: "MARIAAAAAAAAAA, passa para casa, já são horas...", "Não achas que já chega de brincadeira?!" ( Maria, nome ficticio, o nome de todos aqueles que naquela rua tivemos infância)

 

Hoje, são apenas recordações, boas, de uma infância feliz e plena de criança.

 

Fui uma criança com infância.

 

E as crianças de hoje? Que têm mais tarde para nos contar? Aposto que mais de metade não sabe a que jogos acima me referi.

 

Hoje a infância passa por video-jogos, computador, internet, telemóvel e redes sociais. Isso será infância? Será a alegria de ser criança?

 

Ás vezes vou pela rua e assimilo os 12 anos de uma miúda, dos dias de hoje, aos meus 20 anos de idade. Eles estão a perder tanto, que nem dão conta. Ou será que fomos nós que não soubemos viver?

 

Já não há dias como antigamente...mas há tempo de ensinar às nossas crianças a serem crianças de verdade.

 

Saudades daquelas ruas...hoje já não crianças nelas, só memórias.

 

Beijinhos muuito grandes da "Mamã Zen, Mamã com estilo..."

A todos um feliz dia da criança...

 

 

Não me quero perder por nada deste Mundo, quero ser SEMPRE a criança que sempre fui.

 

Hoje num corpo de Mulher, sendo Mamã, com responsabilidades, mas eternamente criança.

 

Sou uma eterna criança, para ti Pai, que me viste crescer tão depressa, e sem dar conta já não sou só tua, és o Homem da minha vida e sempre serás, mas sabes que partilhas o papel com outro que assumiu ser o Homem da minha vida, da minha nova familia.

 

Mãe, que carregaste-me 9 meses dentro de ti, e num instante viste eu carregar nove meses, este novo ser, a tua neta. Sei que para ti sempre fui uma criança, e durante muito tempo achaste que eu não ia crescer, mas cresci. No entanto, sabes que eu pulo, eu riu muito, eu brinco com os meus sobrinhos, e agora com a minha filha, sou capaz de tirar os sapatos e saltar no insufulável, com os meus pequenos, sabes que sempre vai permanecer o meu lado mais "menina" dentro de mim.

 

A vós crianças, sejam sempre muito, muito felizes. Aproveitem ao máximo a vossa infância.

 

Papás, proporcionem sempre o melhor de ser criança aos vossos filhos, eles só vão passar por isso uma vez, e mesmo que cresçam e tenham o lado de criança com eles, vai sempre haver o lado das responsabilidades que faz-nos perder a inocência de ser criança.

 

A todos um feliz dia da criança...

 

Beijinhos muito grandes da  "Mamã Zen, Mamã com estilo..." .

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub