Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mamã Zen, Mamã com estilo...

O blogue que retrata da vida de uma mulher após maternidade. Entre biberões e batons, um mundo cheio de descobertas ao estilo Zen.

Mamã Zen, Mamã com estilo...

O blogue que retrata da vida de uma mulher após maternidade. Entre biberões e batons, um mundo cheio de descobertas ao estilo Zen.

O que há de novo aos 24 meses da criança...

24 meses...deixou de ser bebé para ser criança.

 

Deixou tanta coisa para trás, e deu lugar a tantas outras não menos importantes.

 

Então, aqui venho contar-vos 3 pontos que mudaram nesta nova fase da vida da minha menina.

 

Num modo geral é o que podem esperar dos 24 meses de qualquer outra criança (digo eu).

 

Pais, vão ter oportunidade de conhecer um novo dicionário, completamente novinho há nossa língua. 

 

É verdade que vão partir o "coco" a rir. Mas se pensam que é só o coco?!?

 

NÃO...

 

Também vão partir a cabeçinha a tentar decifrar que raio querem eles dizer.

 

Este fim de semana a nova foi: "Vó...tatis...tatis...." , imaginei lá eu que ela queria dizer:  "Avó, chocolate...chocolate"!?!?!

 

Pois é, e todos os dias uma nova... 

 

Birras....?!?!

 

Uiiiiiiiiii BIRRASSSSSSS...

 

Vai haver a hora de jogar tudo para o chão, vai haver a hora de se jogarem para o chão, e vai haver a hora que te queres jogar ao chão.

 

Acho que fui esclarecedora.

 

Então e o poder sobre TUDO?!?

 

O que mais ouço é : "´MEU, MEU..." 

 

Tudo é deles, e tudo deixa de ser dos pais.

 

Aqui por casa acho que estou a perder o poder de tudo...tudo pega, diz "MEU".

 

Mas vamos lá a confissões.

 

A parte que mais gosto é quando diz para o pai que a "Mãe MEUUUUU" hehehe

 

BABADAAAAA....

 

Eu acho que há algo mágico nos 24 meses de uma criança...não sei...mas mudam tanto.

 

Em duas semanas foi algo sem explicação.

 

Eu tento não rir aos assuntos que tenho que tratar com mais seriedade, mas eu descaneco-me com esta miuda...ahahaha

 

13148443_1146739865346490_1396935872_o.jpg

 

Eis o marcante dos nossos 24 meses.

 

Beijinhos das Mamã e da filhota.

 

 

Semi-livres de "bichinhos dói-dóis"

Xiii...nem acredito nesta segunda-feira...

 

No fim de tantas semanas, com a minha pequenota sempre doente, parece que estamos semi-livres de "bichinhos dói-dóis".

 

mimado3.png

 

 

 

E falo "semi", porque a tosse ainda a atormenta...

 

Desde que a minha filha nasceu, sempre me disseram que a partir do momento que entra-se para o infantário, a lista de doenças terminadas em "-ites" começariam num piscar de olhos. Gostaria-vos de dizer, que o que dizem é mentira, mas infelizmente não o é. É bem verdade, para cansaço, preocupação e afins de uma Mamã.

 

Dói-me de a ver doente, dói-me de a ver molinha sem vontade de brincar e de ser ela própria...

 

Custa MUITOOOOOOOOOOO ver em semanas, a quantidade de "coisas" que por ela  passou.

 

Desde laringites, infecção pulmonar, conjuntivite, amigdalite viral, estomatite aftosa...

 

DEUSSSS, a minha meninaaaa...  

 

É que eu como Mãe, confesso que estou feita num OITO, como se costuma dizer. Sobrevivi, mas não deixo de ter cabelos em pé...

 

Nestas semanas a atenção foi toda e exclusivamente para ela...

 

A Mamã não pôde trabalhar...

 

A Mamã não pôde cuidar da casa...

 

A Mamã não teve direito a blogar...

 

A Mamã não teve direito nem para "se arrumar" hehe

 

Ai, ai, ai...

 

Agora toca a esperar que não venha mais uma, e que nos entre tantos, o sistema imunológico fique bem reforçado.

 

Desabafos de Segunda-feira, após longas semanas...

 

Bonito não?!?

 

Por ai Mamãs a sofrer do mesmo?!

 

 

 

 

Após a chegada de um bebé, o que muda?!

Muda TUDO, tudinho...

 

mulher-faz-tudo-ser-mae-carreira10-1024x682.jpg

 

 

  1. Mudam-se as prioridades,
  2. Muda-se as perspectivas de vida,
  3. Tornamos-nos super heroínas, e de garras bem afiadas,
  4. O relógio "encurta" o tempo para todas as tarefas que há a fazer,
  5. O casamento muda (não que seja para pior), mas ambos tem uma prioridade, o FILHO, sendo que, se não cair de redondo na cama de tanto cansaço, pode ser que dei tempo para namorar...ahahahah
  6. Prova-se o que é o maior AMOR DO MUNDO, ser Mamã e Papá,

 

Haverá muitas mais mudanças, mas estas são aquelas que evidenciam as da nossa família...

 

E por ai?!?! Identificam-se?!?!

 

Esta é a minha realidade, e a tua? 

 

Beijinhos muitos, muitos com imensa gratidão da Mamã Zen, Mamã com estilo...

 

Após depressão pós-parto: O Desmame...

Segunda-feira, e decidi vir aqui falar de algo pouco falado. Porque afinal na maternidade só se costuma mostrar as rosas e não os espinhos.

 

Talvez por vegonha, por aqueles que julgam sem saber ou sem passar "por elas", sem saber o que é realmente, o que é, e o que sentimos e como nos sentimos.

 

self-love.jpg

 

 

Já algum tempo que falei aqui no blogue de depressão pós parto, e passo-vos a deixar AQUI, um pouco da minha história.

 

Eu tive depressão pós-parto, finalmente que me sinto bem, mas está na hora do desmame dos medicamentos. E então? Então, mais um espinho onde estou constatemente a sentir a dor no meu corpo.

 

Fazer desmame de medicação para depressão, não é de todo fácil. Eu segui o tratamento à risca, e estou a fazer o desmame, após longos meses de tratamento, como me foi indicado pelo médico.

 

Mas sabem o que é um vulcão em constante erupção?!

 

Assim sou eu. O bom, é ter um marido compreensivel, e perceber que estou numa fase menos boa, para ficar numa fase fantástica. Porque o coitado é que sofre com as erupções do vulcão. O resto é tranquilo.

 

Só para quem me conhece bem, olha nos meus olhos e vê que durante o dia há momentos que mais vale estar calada, quietinha, sossegadinha, e depois de passar, já podem abrir a boca para falar comigo.

 

O que mais me tranquiliza, é que apesar deste fervilhar de sentimentos, só um me é constante e me calma: a minha filha.

 

É incrivel.

 

Talvez porque a ache especial...

 

Porque sou a Mamã dela e vejo super poderes de cura na minha menina.

 

Mas Mãe que é mãe é assim. Pode desabar o Mundo, mas se as crias estão bem, o resto não interessa.

 

Nesta fase de desmame de antidepressivos, é a fase que estou a concentrar todas as minhas energias em mim, pois necessito. 

 

Recebo o amor, a paz, a tranquilidade, daqueles que demonstram preocupação, amor e carinho por mim, dos poucos mas os melhores amigos que tenho e da minha familia.

 

Tem sido dificil aceitar, como foi de aceitar a depressão pós parto, que o desmame, faz me continuar a precisar de ajuda e de apoio dos meus queridos.

 

Mas nesta semana que refleti, que quis vir desabafar um pouco da minha vida aqui no blogue, porque poderá haver mais pessoas assim, sem talvez conseguirem compreenderem o que está a passar, perdi a vergonha de ser apontada como "olha esta está maluca", "passou-se" e finalmente aceitar mais uma vez a ajuda da familia e dos amigos, e olhar para tudo isto como uma realidade.

 

E que se dane a opnião dos outros.

 

Eu estou aqui, e depois desta fase, fico certamente FANTÁSTICA.

 

Porque a Mamã é forte, luta contra tudo para vencer, e tem os melhores a amá-la.

 

Agora um conselho a quem menos entende do assunto: Não julguem, ajudem...

 

Graças a Deus eu tenho quem o faça por mim, mas á muita gente a passar por a depressão pós parto, ou mesmo depressão, e até mesmo pela recuperação sózinhas. E estar só é como faltar o sol, num céu azul, completamente limpido.

 

Beijinhos a todos com muita coragem... e grata ao Universo por todos os ensinamentos que me tens dado.

 

 

Soraia Romão

Mamã Zen, Mamã com estilo...

 

 

 

Mães dramáticas?!

Mães dramáticas?

 

-Eu...

 

Sim eu. Não drama representativo na vida de uma Mamã, mas sim mentalmente.

 

Vocês sabem lá o que passa nesta cabeçinha?!

 

No minimo dava um filme, e talvez um livro cheinho de peripécias.

 

E para tudo isto basta que a minha filha tivesse uma FARINGITE, á séria...

 

mae-levando-o-bebae-festas-dia-da-mae-pintado-por-

 

 

A minha filhota já teve, infelizmente, como parte da infância, febres e febrinhas, causadas pelos dentes, vacinas, viroses e afins. Mas agora que apanhou uma infecção um pouco mais “pesada” que lhe causa uma faringite, febres altas, falta de energia, vómitos, etc, começou o verdadeiro cinema na cabeça aqui da Mamã.

 

Eu sei que não é para tanto, mas esta primeira vez “muitoooo à séria” com febre, molinha...choramingona, partiu o coração desta manteiga derretida chamada, Soraia.

 

Milhões de vezes que prefiro estar no lugar dela, MILHÕESSS...mas isso não é assim, todos temos que viver as novas experiências que a vida nos dá, sejam elas boas ou más, e claro, que são coisas que são inevitáveis.

 

Se sofro?! Nem queiram imaginar a minha madrugada de Sábado para Domingo, uma verdadeira “diversão”, sendo que pela manhã o resultado foi Papás muito sonolentos, Filhota muito doentinha...e cheirinho no quarto?!? Hmmm...um azedo encebolado, como quem diz uma mistura de azedo de vomitados e cebola (que utilizo para alivio da tosse).

 

Camas mais regadas, não houve.

 

Foi a dela, foi a nossa, foi pijamas, foi várias mudas de roupa, sem direito de folga para a máquina de lavar roupa.

 

Com tudo isto, deu direito a uma ida às urgências.

 

Com tudo isto, deu direito a sua primeira toma de antibiótico.

 

Se gosto disto? Não gosto, mas tem de ser...

 

Agora estamos as duas de “férias” em casa. Não há escolinha para a Princezinha, e não há trabalhinho para Mamã.

 

Considero que assumi também o papel de “doentinha”, com complicidade.

 

Hoje não larguei o pijama, nem a cama, nem o Disney channel e principalmente a Dr. Brinquedos.

 

Hoje fui só dela, não houve espaço (quase) para descascar as batatas para o almoço, porque tinha uma macaquinha muito fofinha a pedir colo e chamar MÃEEEEEEEEEE, MÃEEEEEEE...

 

Mas bem, conseguimos almoçar.

 

Os miminhos deram frutos e graças a Deus está a melhorar.

 

Mas agora que chegou o fim da tarde, e apesar de não ter feito NADAAAA, é possível sentir-me tão cansada, como se passa-se um camião por cima de mim?!

 

Xiiii...coisas aqui da Mamã?!? Ou há mais dias destes por ai?!?!

 

Beijinhoss grandes da Mamã Zen, Mamã com Estilo...

 

P.S.: Já tinha saudades vossas... 

 

 

Adele: Super Mamã VS Carreira

adele.jpg

 

 

A ouvir a música da Adele, fico derretida com a sua voz...só posso dizer que é LINDA, LINDA, LINDA...

 

Esta senhora tem tudo para ter um império de sucesso, sem muito, apenas com o seu ótimo trabalho na música e sua belissima voz.

 

Agora não compreendo como pode ser tão criticada por recusar torné avaliada em milhões para ficar perto do seu filho.

 

Haja alguem que pense com o coração, no lugar de uma mente que só vê dinheiro pela frente...

 

Se Adele tem, e tem poder para ter sucesso mesmo restringindo-se algumas coisas na sua carreira, faz muito bem.

 

Não digo que outros com profissões similares, sejam menos pais que aqueles que recusam os bens materiais para os sentimentos, mas claro, que esta SENHORA, a tomar esta atitude é uma grande Mamã.

 

Há momentos na vida dos nossos filhos, que nós como Papás, só temos uma única oportunidade de viver com eles.

 

Eles não retornam a bebés, nós não os podemos voltar a serem crianças, e o tempo?! Esse não volta mesmo atrás.

 

Por isso, Adele...PARABENS, és uma grande MULHER, e de certo que Deus e o teu filho apreciarão a tua atitude.

 

Beijinhos da Mamã Zen, Mamã com Estilo...

 

Ahhh e já agora, aqui fica o novo tema...

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub