Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mamã Zen, Mamã com estilo...

O blogue que retrata da vida de uma mulher após maternidade. Entre biberões e batons, um mundo cheio de descobertas ao estilo Zen.

Mamã Zen, Mamã com estilo...

O blogue que retrata da vida de uma mulher após maternidade. Entre biberões e batons, um mundo cheio de descobertas ao estilo Zen.

Roupeiro, fofuras e conclusões...

Estamos numa época do ano em que é necessário fazer revisão do guarda-roupa. Principalmente o dos mais pequenos.

 

É sempre uma preocupação ter tudo em ordem, para que possamos gerir melhor o que temos e não temos, o que há necessidade ou não.

 

Mas juntando a isso, um crescimento subito da rapariga...uiiii

 

Neste momento, em estado de renovação de roupeiro.

 

Confesso que ás vezes isto no roupeiro dos adultos também não era nada má ideia, principalmente quando no referimos a guarda roupa femenino hehe

 

Mas de duas uma, ou era bom, não só pela questão de renovação mas porque emagrecemos, ou outra sendo muito má, os kilinhos aterrorizaram o guarda roupa. Isso ninguem quer...não é?!?!

 

Mas enfim, então e quando estamos em renovação e vemos que fofuras como estas que vos vou mostrar, deixaram simplesmente do dia para a noite de servir?!?

 

2015-09-25 11.25.30.jpg

 

Conclusão:

 

  • Crescem MUITO depressa;
  • O tempo passa a correr;
  • Estou a fazer-me velha;
  • E daqui a pouco estou-lhe a comprar os sapatos de noiva, para que suba ao altar.

 

Enfim, vou ali ver mais umas fofuras, e guardar no baú.

 

Beijinhos da Mamã Zen, Mamã com estilo...

 

 

 

Caitlyn Jenner, o seu novo "eu"...

Há umas semanas atrás, o nome de Caitlyn Jenner foi muito badalado por todo o Mundo e cibernáutas.

 

 

 

A agora chamada Caitlyn Jenner, é uma verdadeira revelação de coragem, por assumir perante Hollywood a sua verdadeira razão de ser e forma de estar na vida. Digo "a agora", porque para quem não sabe, Caitlyn Jenner é agora mulher, mas nascera num corpo de homem. O famoso atleta e mediático "pai" da familia Kardashians / Jenner , Bruce Jenner, decidiu no fim de vários anos, e depois de ter vivido práticamente uma vida dedicada a ser homem de familia, mudar de sexo.

 

No "cidadão cumum" seria normal a transexualidade, no entanto, para o tão saudoso Bruce Jenner, isto é um ato de coragem. Viver no meio das cameras, e da fama, sabendo que todos saberão a verdade, e que muito mas muito dificilmente seria segredo, fez a mudança assumindo a sua nova escolha.

 

Admiro a sua coragem. 

 

Caitlyn Jenner é agora uma mulher LINDA. Atrevo-me a dizer que está mais bonita que Kris Jenner, que na sua "vida anterior" era a sua esposa. 

 

Acredito que não seja fácil para uma familia no foco da fama todas estas mudanças, e acredito que também não seja fácil para os seus 4 filhos de sangue, e 4 de criação verem partir a imagem de homem, pai, pilar da familia, para um novo rosto, um novo corpo, e um novo nome.

 

Mas admiro, admiro e não me canso de dizer que admiro.

 

Nós nunca sabemos o que o futuro nos reserva. O que será os nossos filhos, quais a escolhas de futuro, mas o certo que estamos num mundo tão evoluido que acredito que daqui a uns anos isto será tão normal quanto outra coisa qualquer.

 

É bom aceitarmos o Mundo tal e qual como ele é. Porque ajuda a pessoas como Caitlyn Jenner serem pessoas de coragem, a serem simplesmente pessoas felizes. Chega de represálias. A vida é para ser vivida como cada qual deseja e ambiciona.

 

Este é o meu post de agora. Já alguns dias que penso em falar sobre Caitlyn Jenner, porque mais uma vez digo: ADMIRO.

 

Beijinhos muuito grandes da "Mamã Zen, Mamã com estilo..." 

Mamã, eu mudei tudo em ti...

Mamã, eu vim ao Mundo e sei que perdeste muita coisa que fazia parte da tua rotina.

 

 

 

Os teus banhos deixaram de ser demorados. Um banho com mais de 5 minutos, é considerado um "Luxo" para ti.

 

Agora não tens a "hora que apetecer" para acordares, é quando eu quiser acordar-te. E é tão bom ver que não ficas rabujenta comigo por te ter acordado. Tens sempre um grande sorriso de "Bom Dia" para mim Mamã.

 

Antes os teus pequenos almoços eram totalmente silenciosos, tinhas o teu momento. Hoje, habituaste a viver no meio da minha agitação matinal. O teu pequeno-almoço tem direito a música do canal do Panda, dos meus gritos de alegria, no meu capricho para comer mais uma bolacha. Mas tu adoras Mamã, não é?

 

Mamã, sei que já não consegues fazer nem metade do planeado do teu dia, desculpa se te roubo tempo, mas amo quando és toda minha, só para mim, e me mimas tanto quanto possivel. Mas eu também sei que tu amas muito esses momentos, e que já ligaste mais ao estado físico "desarrumado" da casa. 

 

Mamã, não importa se não estás maquilhada, ou penteada, ou se a tua unha tem o verniz lascado, eu AMO-TE assim como és.

 

Filha, eu AMO-TE todos os dias, cada vez mais e incondicionalmente, e tudo o que alteraste na minha vida só fez de mim uma mulher mais feliz. Ser tua Mamã é algo sem explicação.

 

Beijinhos muitos, muitos com imensa gratidão de ser tua Mamã e tu minha linda filha, da Mamã Zen, Mamã com estilo...

 

É por isso que sou a Mamã Zen...

Por fim a parte mais "ZEN" de mim...

 

 

 

Não é que a palavra "ZEN" seja bem empregue, pois não serve como adjetivo. No pouco que tenho estudado sobre o ZEN, consigo perceber que ZEN é um ensinamento, associado ao budismo. No entanto, muitos de nós, usamos a palavra "zen" como para adjetivar um estado de equilibrio pleno e sereno.

 

Até ao momento que aventurei-me a descobrir o ZEN, percebi o quanto estava errada na noção criada na minha cabeça sobre o mesmo.

 

Mas adiante...e usando a palavra adjetivada.

 

Há algum tempo para cá e principalmente depois da minha Borboleta nascer, senti a necessidade de criar o meu Mundo, mais sereno e calmo. Acho que este sentimento provem do instinto maternal. Queremos protejer. Queremos cuidar das nossas crias em paz e pleno amor...Aquela imagem de bebé a dormir como anjinho...são associações que fazemos a este novo estado de espirito. Uma Mamã "Zen"....tranquila, serena, amor....

 

A realidade é que por vezes o nosso desejo de tranquilidade, não equivale à realidade...pois a maternidade não é o mar de rosas que as revistas, a TV e as amigas pintam. Amamos sim, os nossos filhos, mais que tudo nesta vida, podem ter a certeza...mas existe o se não, o lado menos positivo.

 

Um bebé que chora muito nos primeiros meses de vida, um bebé que tem dificuldade em adormecer, um bebé que por exemplo pode ter dificuldade na pega da maminha...ou até mesmo o lado da Mamã que passa a fase do Baby Blues e/ou uma depressão pós parto...Tudo isto retira o estado mais "zen" (calmo) da história.

 

No entanto conto-vos um pouco da minha história.

 

A Mamã teve uma linda bebé, que não gostava de dormir e chorava muito nas primeiras semanas de vida.

 

Para ajudar a Mamã, assim que teve alta do hospital e chegou a casa, entrou na fase do Baby Blues que por sua vez originou uma depressão pós parto. Mas calma, eu fui sempre muito bem acompanhada, por profissionais.

 

Mas dai, desse tombo que levei naqueles dias, eu só queria ser EU, voltar ao normal, não ser egoista a pensar que só eu sabia cuidar bem da minha menina. Não têm noção, mas um Baby blues, faz de nós outras pessoas...posso dizer que tem um lado de horrivel. E digo isto, tendo em conta a minha experiência, achar que só eu sabia cuidar da minha bebé, e mais ninguém.

 

Desta fase, partiu a minha mudança. Foi dai que quis mudar tudo. Da curiosidade passei a estudar, frequentei cursos em áreas holisticas, mudei atitudes e pensamentos, frequentei atividades como o Yoga ( com muita pena minha, não pude continuar, mas assim que conseguir retomar eu volto) e de tudo isto, e aos poucos estou ao encontro do equilibrio e do Universo.

 

É por isso que sou aqui, a Mamã Zen...

 

É só um pouco mais de mim...uma mistura de histórinhas...

 

Peço desculpa para quem é previligiádo na sabedoria dos ensinamentos, e se pude expressar  me menos bem quando falei no Zen, e no budismo, mas estou apenas no  "A E i O U" de principiante.

 

Beijinhos muitos, muitos com imensa gratidão da Mamã Zen, Mamã com estilo...

 

 

 

 

10 coisas que mudam depois de ser Mamã

Pois é...depois de ser Mamã, nasce sempre uma segunda Mulher, que prodomina a primeira. 

 

 

 

1- A Mamã passou a dar importância extrema à sua cria, por vezes parece que não existe mais ninguém no Mundo, mas ser Mãe tem dessas coisas. Paciência.

 

2- A Mamã gosta de ser Mãe em primeira pessoa, sem ninguém a dizer o que tem que fazer. Cada um sabe a melhor forma de cuidar o seu bebé. O que é perfeito para ti, pode não ser perfeito para mim, e vice-versa. Nada melhor que a nossa própria experiência para fazer de nós uma verdadeira Super-Mamã dos nossos filhotes.

 

3- O sono de um bebé é muito importante para o seu crescimento e desenvolvimento. NADA DE INTERROMPER.

A Mamã não gosta, e por sua vez o bebé também não. É tudo uma questão de respeito por ambos.

 

4- Desculpa se não atendo a chamada, ou não respondo à mensagem a tempo, o meu telemóvel passou a ter o silêncio, como única opção de toque. Ou não vejo, ou poderei estar demasiada ocupada na tarefa de Mamã.

 

5- Quando saiu à rua posso não estar uma super modelo, mas de certeza que estou uma SUPER-MAMÃ. O verniz, maquilhagem, e roupa bonita, fica para quando há tempo, por isso não te assustes.

 

6- Antes eu podia ir onde queria , até às horas que queria. Hoje escolho SEMPRE a companhia da minha filha, sendo ela a minha prioridade, e quem faz minha agenda. Não te chateies por eu ser melhor Mamã do que melhor amiga, mas ela marcou a minha agenda por 24 horas, 365 dias ao ano.

 

7- Almoçares, jantares, lanchares comigo agora é a três vozes. Por vezes, a terceira voz, grita, ralha, chora, esperneia, interrompe a conversa pela atenção, mas prometo, que vai ser sempre um encontro diferente e animado.

 

8- O meu carro passou a ser um centro infantil, onde podes encontrar de tudo um pouco. Fraldas, toalhitas, brinquedos...Cuidado onde pões os pés!!!

 

9- Ahhh não esquecendo, que a minha mala, virou uma casa ambulante, lá podes encontrar de tudo um pouco. Mesmo que a minha filha não esteja de momento comigo, de certo que vais encontrar um brinquedo perdido dentro da minha mala de mão. Podes brincar, eu deixo!

 

10- Desculpa, mas agora sou Mamã. A minha vida deu um giro de 180º, e já não sou somente uma mulher, amiga...agora tenho titulo. Sou MÃE.

 

Esta é a minha realidade, e a tua? 

 

Beijinhos muitos, muitos com imensa gratidão da Mamã Zen, Mamã com estilo...

 

 

 

#AMAATUAPELE

Olá a todos...

 

Os mais vaidosos, ou "cuidadosos" com a sua beleza...

 

Já viram a nova campanha da L'oreal Paris, #AmaaTuaPele?

 

Clica aqui, e vem conhecer o novo desafio.

 

 

Beijinhos muito grandes da  "Mamã Zen, Mamã com estilo..." .

 

 

 

 

 

Gratidão pela vida...

Olá a todos...

Tenho andado desaparecida, sem tempo para o blog  ...mas aqui estou eu de novo. 

Hoje, novamente segunda-feira, inicio de semana, e graças a Deus, super entusiasmada, feliz, em paz e harmonia. 

Se há dias que devemos agradecer por tudo, hoje é um dia deles...11113578_741558949289270_774508423048433410_n.png

Hoje estou imensamente grata pela vida que tenho, pelas pessoas que me acompanham, pela paz e o amor que padece em meu coração. 

Nem sempre damos conta do quão valioza é a nossa vida, tão rica de coisas boas que ela é, mas hoje acordei com a certeza que sou imensamente rica. Pela filha maravilhosa que tenho, o "Namarido"-Anjo que tenho ao meu lado, por tudo, tudo o que existe no meu "sonho".

Tu que estás nesse lado, agradece...hoje acordas te, só por isso já és rico, e com oportunidades maravilhosas para fazer a vida sorrir-te, todos os dias da tua vida.

Grata por tudo que me têm proporcionado, por tudo o que a vida me tem dado, sem as minhas experiências, eu não seria quem sou hoje.

 

 

Beijinhos muito grandes da  "Mamã Zen, Mamã com estilo..."

Ser blogger...

Olá a toda a blogosfera...

Há pouco acabei de ver uma reportagem, que passou na sic, sobre blogger's.

 

Achei interessante falar da minha experiência, enquanto blogger, porque penso que poucos são aqueles que o fazem e falam. E noto que também existe muita vontade nas pessoas de serem bloguer's mas pela vergonha e pela partilha, acabam por não fazerem algo que gostam.

Eu sou blogger desde há uns meses. Pensei muito antes de o ser. Pois como muita gente tinha vergonha de enfrentar criticas, principalmente daqueles que me são próximos de mim. Mas desde que tive o apoio do meu "Namarido", tudo para a frente tornou-se caminho.

Acho que ao ser Mãe, deu me a maturidade necessária para perceber que temos que ser e fazer aquilo que gostamos, sem pensar que podemos sofrer represálias.

Eu não quero saber das críticas dos demais, importa-me sim ouvi-las para melhorar, crescer, mas vergonha de ser blogger, eu não a tenho. Cada um segue os passos e os sonhos que tem. Eu sigo os meus.

Não tem sido fácil conciliar tudo...afinal, sou mulher, Mãe, dona de casa, e trabalhadora.

Faço o que posso para todos os dias conseguir dar mais de mim para o blog. Pois o meu blog é a minha terapia. Aquilo que completa-me sem ser a minha familia e amigos, para ser feliz. 

Tenho muito a aprender...tudo leva o seu tempo. A vida é uma escola, e a experiência trás nos sabedoria. Com o tempo espero criar melhores conteúdos, melhores artigos, escolher temas que interessem a todos vocês, mas leva tempo, pois Roma também não se construiu num só dia.

Ver a reportagem mostrou me afinal que ser blogger é muito mais do que nós imaginamos. Pois todos os dias um blogger dedica horas para poder partilhar algo com o seu público.

Tu que estás nesse lado, e tens vontade de ser blogger, não te envergonhes, pois os sonhos são somente teus, e se tu não fizeres aquilo que gostas e sonhas, ninguém o fará por ti. A melhor amiga/o de ti, és tu próprio.

Eu encontrei no meu blog o desenvolvimento que preciso todos os dias, pois eu "necessito" de estar em constante aprendizagem, e ao ser blogger, faz com que todos os dias eu tenha que ler, formar me e atualizar me do mundo que me interessa.

Espero que a partilha da minha experiência tenha sido util, para quem quer começar, ou mesmo para aqueles que já o são mas sentem falta de um incentivo. Eu não sou mais nem menos que ninguém, eu sou eu, a Soraia que gosta de ser a "Mamã Zen, Mamã com estilo..." .

Partilha a tua experiência connosco, será interessante crescermos todos juntos.

Todos juntos somos um só, com sabedoria.

 

Grata por tudo que me tem proporcionado. Espero que tenham gostado...

Beijinhos muito grandes da  "Mamã Zen, Mamã com estilo..."  Até já ...

 

 

 

 

Por aqui fala-se de moda...

Olá a todos 

Hoje venho vos falar de moda.

Afinal o que é isso de moda? A moda é simplesmente a tendência de consumo na atualidade, o hoje.

Para mim é mesmo isso..."CONSUMO", pois as pessoas vão atrás do marketing, e leva a um consumismo quase excêntrico.

Confesso, já fui assim...mas tem um dia que nós crescemos. Eis o dia que chegou até mim. 

Sim, eu compro, mas nem tanto quanto antes, e para comprar tem que ser pensado, avaliado e reavaliado.

O que tenho em conta?

  • Quando compro roupa, sapatos ou acessórios, tento perceber se é uma peça que usarei muitas vezes, e se poderei conjugar fácilmente com outras peças.
  • Pondero consoante o ponto acima, o INVESTIMENTO, ou seja, €, caro? barato? Eu sou do tipo de pessoas que vou à loja e olhei para uma blusa, e digo para mim "Que gira!!", olho à etiqueta...€ a mais, "Ai não presta, é feia". Acho que o preço faz-me ponderar no grau de beleza de uma peça. Haverá alguem por ai como eu?
  • Hoje em dia, tento ter peças básicas e confortáveis, pois isto de ser Mamã, pede que sejamos práticas. Tal como os sapatos, desde que fui Mamã poucos saltos usei, e os que uso, meia hora depois de os ter calçado parece que vivo no martirio. A minha mente passa só estar focada nos meus PÉS. Sou a única?

 

A minha opnião  é que a moda fazemos cada um de nós. Não temos que seguir rigorosamente tendências, pois quando nós fazemos a nossa moda, estamos a ser nós próprios. Ter o nosso próprio estilo é sermos genuinos. Caracteriza-nos. 

Eu sou "sem estilo" , pois se me apetece ser prática, sou. Se me apetece ser mais elegante, sou. Se me apetece ser simplesmente eu, sou.

Mas atenção, que podemos ser práticas e confortáveis, mas nunca dispensar de um cuidado natural do rosto. Pois como uma amiga minha diz "a maquilhagem dá-nos arzinho de saúde, por isso não pode faltar o pózinho da saúde(o blush)" 

E vocês Mamãs, e não Mamãs, como são?

Beijinhos muito grandes da  "Mamã Zen, Mamã com estilo..."  Até já ...

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D