Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Mamã Zen, Mamã com estilo...

O blogue que retrata da vida de uma mulher após maternidade. Entre biberões e batons, um mundo cheio de descobertas ao estilo Zen.

Mamã Zen, Mamã com estilo...

O blogue que retrata da vida de uma mulher após maternidade. Entre biberões e batons, um mundo cheio de descobertas ao estilo Zen.

Medo que assombra maioria das mulheres: o parto

O medo do parto é algo que vive constatemente na cabeça de uma Mulher grávida.

 

 

 

Recordo-me perfeitamente do medo que assistia na minha gravidez.

 

Isto porque, também sou uma pessoa que pensava ser praticamente intolerante à dor, mas afinal quando estamos no papel de Mamãs, somos mais fortes do que nós próprias pensamos.

 

Lembro-me de durante a noite sonhar constantemente com o parto, como ia ser, se ia sentir dor ou não, a verdade é que meus sonhos era reflexo do que pensava durante o dia. Era inevitável não pensar, de como seria o meu parto, afinal era Mamã de primeira viagem.

 

Depois de tantas histórias ouvidas, sem pedir a ninguém para as contar, e mostrando a parte mais exagerada do momento do parto, é óbvio que alimenta-se medos. Afinal nós não sabemos ao que vamos.



Por volta dos 7 meses, eu sentia-me totalmente angustiada e confesso que assustada, eu pensava somente que queria uma cesariana para não ter que passar por todo o “sofrimento”. Isto é que é ser mesmo tontinha, pois só pensamos no momento...então e a recuperação? Afinal nós fazemos uma intervenção cirurgica.



Felimente, há pessoas fascinantes que encontramos pelo o nosso percurso chamado vida, que fazem “magia” com as palavras.



Eu tive oportunidade de frequentar um “Curso de preparação para o parto”, totalmente gratuito, que há para todas as Mamãs aqui na zona onde vivo. E tive o prazer de conhecer uma enfermeira parteira, que por ter experiência como parteira e Mamã, deu o melhor de si para transmitir a realidade do parto, para nós gestantes.



Ela explicou tudo, tudinho, pormonorizado, sem alaritos, tirou todas as nossas dúvidas, deu atenção a cada uma de nós de forma especial para perceber os medos individualizados. Ela foi simplesmente espetacular. Acho que merecia um prémio por ser tão qualificada e por reconhecimento do bom trabalho que desenvolve durante a formação.



Perdi totalmente o medo depois de frenquentar o curso? Claro que não, mas por passar a ter todo o conhecimento do processo do trabalho de parto e até ao dito momento, o parto, o meu medo diminuiu em muito.



Na hora, fiquei até imensamente tranquila, para todas aquelas especulações que vivera.



Basicamente confiei, na equipa que assistiu ao processo do parto. Confiei, e tudo correu bem.



Tive um parto normal, e hoje se dessem a escolher, quereria na mesma o parto normal, pois a recuperação é muito mais rápida, as dores pós parto são diminutas em comparação com a cesariana, para além de que o tempo de internamento da Mamã no Hospital é menor que uma cesariana.



Mamãs, não tenham medo, vivam o momento, esperem pela hora calmamente, cada parto é um parto. É uma experiência unica e até provávelmente poderão mais tarde sentir saudades desse dia tão especial, como eu tenho. Afinal nesse dia dá-se vida a um novo ser. Uma parte de nós, uma viragem, somos Mamãs.



Falo-vos desta forma, porque eu gostava que alguém tivesse dito isto tão francamente quanto possivel, durante a minha gravidez. Poderia ter sentido menos angustia, menos medos...

 

Beijinhos muito grandes da  "Mamã Zen, Mamã com estilo..."

 

Grata ao Universo, por tudo.

Mala de Maternidade: o que levar?

Este post, é dedicado principalmente às futuras Mamãs.

 

 

 

Decidi fazer este post, porque uma futurã Mamã questionou, no Facebook, o que levar para a maternidade, e recordo-me perfeitamente, que quando estava grávida, sendo Mamã de "primeira viagem", questionava-me muitas vezes o que levar na mala para a maternidade. Não cria ser exagerada, mas também não queria estar em falta.

 

Hoje que já passei por essa experiência, posso contar-vos o que devemos levar na mala para a maternidade, com a certeza que é realmente o que necessitamos sem exageros nem faltas, e será muito útil para vocês, futuras Mamãs.

 

Então abaixo vou colocar uma listinha para a Mamã, e outra para o Bebé. (Atenção esta lista é baseada na minha experiência.)

 

Lista para a Mamã:

  • Duas camisas de dormir (ou uma camisa de dormir para o dia do parto, e um pijaminha fresco e prático, principalmente para as Mamãs que amamentam)
  • 6 cuequinhas (descartáveis, ou não. Eu comprei descartáveis, mas acabei por usar mesmo as minhas, por isso fica ao vosso critério)
  • 1 chinelos de quarto
  • 1 chinelos para banho (tipo havaianas)
  • Produtinhos de higiene ( como: escova de dentes, pasta de dentes, champo, gel duche)
  • Escova de cabelo.
  • Opcional: Levar as toalhas de banho e rosto. O Hospital normalmente fornece, no entanto, há pessoas que não gostam de utilizar as toalhas do hospital. Na minha opnião, estão mais desinfetadas que as nossas, por isso eu também usei do hospital sem problemas.

Lista do Bebé:

  • 4 Babygrows
  • 4 Fatinhos interiores
  • 4 Calçinhas interiores (Consoante a época do ano que nasce o vosso rebentinho)
  • 4 peuginhos
  • 2 fraldas de pano
  • 10 fraldas descartáveis
  • 1 pacote de toalhitas húmidas sem perfume (opcional, pois há quem prefira limpar o rabinho dos bebés com comprensas humedecidas em água. O Hospital dipõe das compreensas.)

Na hora do parto:

  • Devem ter a parte para o bebé:1 babygrow, 1 fatinho interior completo, um gorrinho e uma fralda descartável.
  • Para a Mamã, é conveniente ter uma camisa de dormir, umas cuequinhas, e os chinelos de quarto.

Quando eu fui para o hospital, eu apenas levei uma mala com tudo, exceto um saquinho,(mesmo de papel), com a roupinha do bebé, para quando nascesse. Achei que uma mala era suficiente para mim e para a bebé. Assim foi.

 

Durante os dias que estivemos internadas, pediamos ao Papá o necessário, para quando viesse à visita, trazer-nos.

 

Penso que tornei tudo mais fácil desta maneira. Tentei ser o mais prática possivel.

E resultou. Espero que com este post, possa-vos ter ajudado de alguma forma.

 

Podem sempre deixar as vossas questões, e sugestões aqui embaixo, nos comentários. Gostarei de saber a vossa opnião, ou até mesmo como foi convosco. 

 

A Mala de Maternidade também foi uma aventura para vocês?

 

Beijinhos muito grandes da  "Mamã Zen, Mamã com estilo..." .

 

 

 

 

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2018
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2017
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2016
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2015
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2014
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub